A Escrita

DSC04319As escritas, “corpografias” podem assemelhar-se aos “biografemas” criados e definidos por Roland Barthes, como o “gosto de certos traços biográficos que, na vida de um escritor, me encantam tanto quanto certas fotografias; chamei esses traços de “biografemas”; a Fotografia tem com a História a mesma relação que o biografema com a biografia” ( Barthes, 1980: 51). Aqui, busco uma escrita movente, que articula-se em um deslocamento do gesto que escreve para o gesto que dança, do mesmo modo que a dança move-se para uma escrita que denote as marcas de passos, lapsos e lampejos de uma memória corporal. À maneira de Barthes, a corpografia tem a mesma relação com a memória corporal que a Fotografia tem com a História, e o biografema com a biografia. Inspirações sul-africanas em meu corpo.